Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Plantas Medicinais de Interesse ao SUS – Renisus

Escrito por Leonardo | Publicado: Sexta, 28 de Julho de 2017, 12h46 | Última atualização em Sexta, 07 de Dezembro de 2018, 11h47

Conheça o processo de construção e a Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao Sistema Único de Saúde (Renisus) que tem a finalidade de orientar pesquisas e estudos.

Estudos orientados

Instituições participantes e recursos

O projeto “Estudos orientados de revisão, análise, sistematização de informações científicas e publicações na área de medicamentos e insumos estratégicos para o SUS” está sendo desenvolvido em etapas, de acordo com os recursos disponíveis, e em parceria com grupos colaboradores constituídos por pesquisadores, pós-graduandos e graduandos, com expertise na área de plantas medicinais, de Instituições de Ensino das diversas regiões do país, conforme apresentado abaixo:

2009-2010

Com recursos da Ação 20AH do PPA e contratação de três pesquisadores pelo DAF.

2011-2012

Com recursos do Probio II, via Caixa Econômica Federal e contratação de nove bolsistas por meio de processo seletivo.

2013-2014

Com recursos da Ação 20K5 do PPA, por meio do TC nº 93/2012 com a Fundação Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) para contratação de pesquisadores das instituições UFPB, UFPR, UFRGS, UFRN, UFSM e UNB.

2014-2015

Com recursos do projeto DIREB 002-FIO13 para contratação de 26 bolsistas.

2018-2020

Com recursos da Ação 20K5 do PPA, por meio de TED com Fiocruz/Brasília.

Os participantes do projeto são orientados a elaborar as monografias por meio de procedimentos padronizados.  

Resultados esperados

Espera-se que, os resultados direcionem e fortaleçam as pesquisas das espécies da Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao Sistema Único de Saúde (Renisus), especialmente as nativas, identifiquem demandas de modificações e/ou criação de nova legislação, produção de medicamentos fitoterápicos por laboratórios públicos e/ou privados, produção de publicações técnico-científicas com plantas nativas brasileiras. E ainda, contribuam com a assistência farmacêutica, atuando na promoção da segurança e eficácia de plantas medicinais e fitoterápicos, usados na atenção básica em saúde.

Espécies vegetais trabalhadas por projeto

Conheça as espécies vegetais que estão sendo trabalhadas, desde 2009 quando a Renisus foi construída.

Situação das monografias das espécies da Renisus

3 monografias publicadas
51 monografias sendo finalizadas
21 monografias serão elaboradas

* Alguns gêneros possuem monografias de duas espécies

Total investido = R$2.010.226,00

Links úteis para busca por evidências científicas para fitoterápicos
Fim do conteúdo da página