Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

INFORME AS DOSES E ESTOQUES DAS VACINAS EM SEU MUNICÍPIO ATÉ 30/11

Início do conteúdo da página

Para combater as Fake News sobre saúde, o Ministério da Saúde, de forma inovadora, está disponibilizando um número de WhatsApp para envio de mensagens da população. Vale destacar que o canal não será um SAC ou tira dúvidas dos usuários, mas um espaço exclusivo para receber informações virais, que serão apuradas pelas áreas técnicas e respondidas oficialmente se são verdade ou mentira.

Qualquer cidadão poderá enviar gratuitamente mensagens com imagens ou textos que tenha recebido nas redes sociais para confirmar se a informação procede, antes de continuar compartilhando. O número é (61)99289-4640

>> Leia o regulamento e os termos de uso

>> Apresentação Fake News na Saúde feita pelo diretor da Ascom, Ugo Braga, no VIII Congresso Brasileiro de Enfermagem Pediátrica e Neonatal

falso verdadeiro
Escrito por Gustavo Frasão | | Publicado: Sexta, 01 de Fevereiro de 2019, 17h41 | Última atualização em Sexta, 01 de Fevereiro de 2019, 17h41

A notícia é falsa. Não há evidência científica de que comer frutas após as refeições, aquecidas ou cozidas piorem a oferta de nutrientes das frutas. As principais instituições de pesquisa em câncer não realizaram revisões sistemáticas sobre esta questão, o que significa que elas não são um tema importante. Frutas são uma parte essencial de uma dieta saudável. Elas são excelentes fontes de muitos nutrientes importantes. Elas fornecem uma dieta baixa em calorias e rica em fibra, o que contribui para manter um peso saudável. Os efeitos do consumo das frutas na diminuição do risco de câncer é indireto, por meio da ingestão de fibras e da sua associação com uma dieta hipocalórica. Recomenda-se alternar frutas de diferentes cores para o consumo diário, dando preferência à frutas frescas.

registrado em:
Assunto(s):
Fim do conteúdo da página