Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

INFORME AS DOSES E ESTOQUES DAS VACINAS EM SEU MUNICÍPIO ATÉ 30/11

Início do conteúdo da página

I Conferência Livre de Vigilância em Saúde com ênfase em Hanseníase

Escrito por alexandreb.sousa | | Publicado: Quarta, 18 de Outubro de 2017, 14h36 | Última atualização em Quarta, 18 de Outubro de 2017, 14h36

 O encontro acontecerá em Palmas, no Tocantins nos dias 19 e 20 de outubro

O Ministério da Saúde está apoiando a realização da I Conferência Livre de Vigilância em Saúde com ênfase em Hanseníase que acontecerá nos dias 19 e 20 de outubro, em Palmas/TO, no auditório principal do Centro Universitário Luterano (Ceulp/Ulbra). Os debates realizados durante a Conferência irão servir de base para aprofundamento na I Conferência Nacional de Vigilância em Saúde (CNVS), que será realizada em Brasília de 28 de novembro a primeiro de dezembro.

São esperadas para o evento em Palmas cerca de 300 participantes, entre especialistas em hanseníase de vários estados do país, autoridades e gestores de saúde, trabalhadores e usuários do SUS e estudantes.

A Conferência é organizada pelo Conselho Nacional de Saúde (CNS) em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) e conta com o apoio da Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp); do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (Morhan); do Ministério da Saúde, por meio da Coordenação-Geral de Hanseníase e Doenças em Eliminação (CGHDE) e da Coordenação-Geral do Programa Nacional de Controle da Tuberculose (CGPNCT); da Associação Alemã de Assistência aos Hansenianos e Tuberculosos – DAHW Brasil; da Secretaria de Estado da Saúde do Tocantins (Sesau) e da Sociedade Brasileira de Hansenologia (SBH).

De acordo com a coordenadora da CGHDE, Carmelita Ribeiro “a Conferência é uma oportunidade de discussão com os parceiros, movimentos sociais, profissionais de saúde e usuários sobre estratégias para melhoria do cuidado à pessoa acometida pela hanseníase; integração das ações de Vigilância em Saúde e da Atenção à Saúde para a redução da carga da doença no país“.

A I Conferência Livre de Vigilância em Saúde com ênfase em Hanseníase tem como objetivo discutir propostas relativas aos temas como “Direitos das pessoas atingidas pela hanseníase”, “Vigilância e assistência da hanseníase no SUS”, “Saberes, práticas e tecnologias para o cuidado integral na hanseníase” e “Estratégias de mobilização e participação social na hanseníase”, que irão subsidiar a realização da I Conferência Nacional de Vigilância em Saúde (CNVS), em Brasília.

As deliberações apontadas pelos grupos no evento em Palmas serão discutidas em plenária, ocasião em que será redigida a Carta de Palmas e eleitos os delegados que participarão da Conferência Nacional.

 

Por Fabio Marques, da Agência Saúde
Atendimento à imprensa

(61) 3315- 3580/2351

 

 

 

Fim do conteúdo da página