Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

Banner estatico portal 960 x 100

Início do conteúdo da página

Ministro da Saúde visita Centro de Transplantes da Santa Casa de Belo Horizonte

Escrito por alexandreb.sousa | | Publicado: Sexta, 27 de Abril de 2018, 12h35 | Última atualização em Sexta, 27 de Abril de 2018, 15h42

A unidade, referência em transplantes de fígado, rim, medula e córnea, irá criar mais 10 leitos, aumentando em 33% a realização de transplantes

Crédito: Erasmo Salomão/MS

O Ministro da Saúde, Gilberto Occhi, visitou, nesta sexta-feira (27), as instalações do Centro de Transplantes da Santa Casa de Belo Horizonte.  A unidade filantrópica, referência em transplantes de fígado, rins, medula e córnea, irá criar mais 10 leitos para a realização de transplantes, aumentando em 33% o número de procedimentos realizados. A Santa Casa também será habilitada pelo Ministério da Saúde, após vistoria técnica, para realizar transplantes cardíacos e ósseos.

Durante a visita o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, ressaltou que as entidades filantrópicas contam com apoio do Governo Federal para investir na melhoria da assistência. “No ano passado foi criado o Programa de Financiamento Específico para Santas Casas e Hospitais Sem Fins Lucrativos que atendem o SUS. As linhas de crédito estão disponíveis para reestruturação e melhoria das entidades filantrópicas, ampliando e qualificando o atendimento, beneficiando toda a população que necessita desses serviços”, destacou o ministro.

Desde 2015, a instituição realizou 553 transplantes de fígado, rins, medula e córneas, com custeio federal de R$ 11,6 milhões. A Santa Casa também é credenciada para realizar transplante de fígado em casos de febre amarela pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Além de transplantes, a unidade também é referência em todo o estado nas especialidades de oncologia, neurologia, cardiologia, entre outras.

O Ministério da Saúde repassou, em 2017, cerca de R$ 150 milhões para custear aproximadamente 600 mil atendimentos ambulatoriais e 37 mil internações na Santa Casa de Belo Horizonte. A unidade possui 1.086 leitos SUS, sendo 170 de UTI. Em 2017, foram empenhados cerca de R$ 7,5 milhões em emendas parlamentares e R$ 10 milhões em 2016 para aquisição de equipamentos e materiais médicos destinados à Santa Casa.

 

Por Nicole Beraldo, da Agência Saúde
Atendimento à imprensa
(61) 3315-3580 / 3880

Fim do conteúdo da página