Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

Todas as crianças de 6 meses a menores de 1 ano devem ser vacinadas contra o sarampo

Início do conteúdo da página

Ministério da Saúde atualiza casos de sarampo

Escrito por nivaldo.coelho | | Publicado: Quarta, 07 de Novembro de 2018, 15h42 | Última atualização em Quarta, 07 de Novembro de 2018, 15h42

Até 5 de novembro, são 2.801 casos de sarampo confirmados em todo o país. No Amazonas, são 2.357 e em Roraima, 345. Todos estão relacionados à importação

O Ministério da Saúde atualizou, nesta quarta-feira (07), as informações repassadas pelas secretarias estaduais de saúde sobre a situação do sarampo no país. Até o dia cinco (05) de novembro, foram confirmados 2.801 casos. Atualmente, o país enfrenta dois surtos de sarampo: no Amazonas são 2.357 casos confirmados e 7.425 em investigação, e em Roraima, são 345 casos confirmados e 54 em investigação. 

Os surtos estão relacionados à importação, já que o genótipo do vírus (D8) que está circulando no país é o mesmo que circula na Venezuela, país com surto da doença desde 2017.  Alguns casos isolados e relacionados à importação foram identificados nos estados de São Paulo (3), Rio de Janeiro (19); Rio Grande do Sul (43); Rondônia (2), Pernambuco (4), Pará (23), Distrito Federal (1) e Sergipe (4). Até o momento, no Brasil, foram confirmados 12 óbitos por sarampo, sendo quatro óbitos no estado de Roraima, seis no Amazonas e dois no Pará.

O Ministério da Saúde permanece acompanhando a situação e prestando o apoio necessário aos Estados. Cabe esclarecer que as medidas de bloqueio de vacinação, mesmo em casos suspeitos, estão sendo realizadas em todos os estados.

Cabe esclarecer que o número de casos notificados nas últimas semanas no estado do Amazonas e Roraima diminuiu consideravelmente. No entanto, há casos que foram notificados em semanas anteriores e que ainda permanecem em investigação. Esses casos serão confirmados ou descartados nas próximas semanas, podendo aumentar o total casos confirmados no país. No estado de Roraima, a maior concentração de casos se deu entre fevereiro e abril deste ano. Já no estado do Amazonas, a queda no número de casos se dá a partir do início de agosto. O pico de casos no estado foi em meados de julho. Em ambos os estados, no momento a curva de novos casos é decrescente.

IMUNIZAÇÃO SARAMPO

O Ministério da Saúde, de janeiro a outubro de 2018, encaminhou aos Estados de Rondônia, Amazonas, Roraima, Pará, Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul, Pernambuco, Sergipe e Distrito Federal o quantitativo de 13,9 milhões de doses da vacina tríplice viral, para atender a demanda dos serviços de rotina e a realização de ações de bloqueio, intensificação e campanha de vacinação para prevenção de novos casos de sarampo. Em relação à Campanha Nacional de Vacinação contra sarampo, todos os estados que apresentam casos confirmados de sarampo alcançaram a meta mínima de 95% de cobertura vacinal, com exceção do Distrito Federal.

Acesse nossa página especializada em sarampo

Fim do conteúdo da página