Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

Banner estatico portal 960 x 100

Início do conteúdo da página

Hospitais Universitários ganham reforço de R$ 238,6 milhões

Escrito por amanda.costa | | Publicado: Terça, 20 de Agosto de 2019, 17h43 | Última atualização em Quarta, 21 de Agosto de 2019, 12h17

Recursos serão usados para melhorias na infraestrutura dos hospitais universitários e estimular pesquisa e qualificação de 49 estabelecimentos em 22 estados e Distrito Federal

Quarenta e oito hospitais universitários em 22 estados e no Distrito Federal vão receber R$ 238,6 milhões para fortalecer o atendimento prestado à população nessas unidades. Os recursos podem ser usados para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), comprar materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, ou ainda em atividades vinculadas ao ensino, pesquisa e extensão. As liberações devem ocorrer em três parcelas de R$ 79,5 milhões, sendo que a primeira delas já havia ocorrido no mês passado e a segunda na última sexta-feira (16), com autorização publicada no Diário Oficial da União.

O novo repasse financeiro de R$ 79,5 milhões contempla hospitais de todas as regiões do país. Na região Nordeste, 17 instituições terão disponíveis R$ 28,3 milhões. Na região Sudeste são 16 instituições, ao custo de R$ 23,9 milhões. Já na Região Sul serão seis instituições, com valor total de R$ 14 milhões. A Região Centro-Oeste receberá recursos para quatro instituições, ao custo de R$ 7,4 milhões. Na Região Norte serão quatro instituições, que terão disponíveis um total de R$ 3,6 milhões.

Ministério da Saúde libera R$ 79,5 milhões para hospitais universitários

Esses recursos fazem parte do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (REHUF). A iniciativa visa qualificar e ampliar cada vez mais a capacidade de atendimento dos hospitais universitários federais e leva em consideração as necessidades levantadas pelos gestores do Sistema Único de Saúde (SUS) nas esferas estaduais e municipais, em articulação com o Ministério da Educação que define os projetos a serem executados.

                                                         

REHUF - HOSPITAIS UNIVERSITÁRIOS

Instituído em 2010, o REHUF é uma iniciativa dos Ministérios da Saúde e Educação para criar condições materiais e institucionais para que os hospitais universitários federais possam desempenhar plenamente suas funções em relação ao ensino, pesquisa, extensão e assistência à saúde. Com isso, as universidades mantenedoras desses estabelecimentos ganham maior capacidade orçamentária para estimular a oferta de ensino, pesquisa e atendimento de qualidade, conforme a necessidade e o planejamento da instituição.  Inclusive, a verba pode ser usada para reformas e aquisição de materiais médico-hospitalares.

Os recursos são pagos pelo Ministério da Saúde para as instituições que comprovaram o cumprimento das metas de qualidade relacionadas ao porte e perfil de atendimento, capacidade de gestão, desenvolvimento de pesquisa e ensino e integração à rede do SUS. Os pagamentos são efetuados pelo Fundo Nacional de Saúde conforme comprovação dos gastos.

 

DADOS REGIONALIZADOS

 

Hospital universitário do Distrito Federal ganha reforço de R$ 2 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do Distrito Federal receberá R$ 2 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital Universitário de Brasília, ligado à Universidade de Brasília.

 
Hospital universitário do Amazonas ganha reforço de R$ 1,2 milhão Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Amazonas receberá R$ 1,2 milhão para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital Universitário Getúlio Vargas, ligado à Universidade Federal do Amazonas.

 
Hospitais universitários do Pará ganham reforço de R$ 1,8 milhão Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Pará receberá R$ 1,8 milhão para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital Universitário João de Barros Barreto, com R$ 1,4 milhão, e o Hospital Universitário Bettina Ferro de Souza, com R$ 407,9 mil. Ambos estão ligados à Universidade Federal do Pará.

 
Hospital universitário do Tocantins ganha reforço de R$ 589,8 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Tocantins receberá R$ 589,8 mil para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital de Doenças Tropicais do Tocantins, ligado à Universidade Federal do Tocantins.

 
Hospital universitário de Alagoas ganha reforço de R$ 1,9 milhão Fechar

A rede pública hospitalar do estado de Alagoas receberá R$ 1,9 milhão para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital Universitário Professor Alberto Antunes, ligado à Universidade Federal de Alagoas.

 
Hospitais universitários da Bahia ganham reforço de R$ 2,7 milhões Fechar

A rede pública hospitalar da Bahia receberá R$ 2,7 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital Universitário Professor Edgard Santos, com R$ 1,7 milhão, e a Maternidade Climério de Oliveira, com R$ 1,07 milhão. Ambos estão ligados à Universidade Federal da Bahia.

 
Hospitais universitários do Ceará ganham reforço de R$ 4,1 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Ceará receberá R$ 4,1 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital Universitário Walter Cantídio, com R$ 1,8 milhão, e a Maternidade Escola Assis Chateaubriand, com R$ 2,3 milhões. Ambos estão ligados à Universidade Federal do Ceará.

 
Hospital universitário do Maranhão ganha reforço de R$ 4,1 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Maranhão receberá R$ 4,1 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital Universitário do Maranhão, ligado à Universidade Federal do Maranhão.

 
Hospitais universitários da Paraíba ganham reforço de R$ 3,5 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado da Paraíba receberá R$ 3,5 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital Universitário Júlio M. Bandeira de Melo, com R$ 712 mil, o Hospital Universitário Alcides Carneiro, com R$ 1,3 milhão, ligados à Universidade de Campina Grande, além do Hospital Universitário Lauro Wanderley, com R$ 1,4 milhão, ligado à Universidade Federal da Paraíba.

 
Hospitais universitários de Pernambuco ganham reforço de R$ 4 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado de Pernambuco receberá R$ 4 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital das Clínicas de Pernambuco, com R$ 1,4 milhões, e o Hospital Universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco, com R$ 2,5 milhões, em Petrolina.

 
Hospital universitário do Piauí de R$ 1,4 milhão Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Piauí receberá R$ 1,4 milhão para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital Universitário do Piauí, ligado à Universidade Federal do Piauí.

 
Hospital universitário do Rio Grande do Norte ganha reforço de R$ 4,5 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Rio Grande do Norte receberá R$ 4,5 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital Universitário Onofre Lopes, com R$ 1,7 milhão, a Maternidade Escola Januário Cicco, com R$ 1,6 milhão, e o Hospital Universitário Ana Bezerra, com R$ 1,1 milhão. Todos ligados à Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

 
Hospitais universitários de Sergipe ganham reforço de R$ 1,8 milhão Fechar

A rede pública hospitalar do estado de Sergipe receberá R$ 1,8 milhão para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital Universitário de Sergipe, com R$ 843,7 mil, e o Hospital Universitário de Lagarto, com R$ 1 milhão. Ambos estão ligados à Universidade Federal de Sergipe.

 
Hospital universitário de Goiás ganha reforço de R$ 2,3 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado de Goiás receberá R$ 2,3 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital das Clínicas de Goiás, em Goiânia, ligado à Universidade Federal de Goiás.

 
Hospitais universitários de Mato Grosso do Sul ganham reforço de R$ 3,8 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado de Mato Grosso do Sul receberá R$ 3,8 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian, em Campo Grande, com R$ 1,9 milhão, ligado à Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, e o Hospital Universitário Grande Dourados, em Dourados, com R$ 1,8 milhão, ligado à Universidade Federal da Grande Dourados.

 
Hospital universitário do Mato Grosso ganha reforço de R$ 1,2 milhão Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Mato Grosso receberá R$ 1,2 milhão para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital Universitário Júlio Müller, em Cuiabá, ligado à Universidade Federal de Mato Grosso.

 
Hospital universitário do Espírito Santo ganha reforço de R$ 2,4 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Espírito Santo receberá R$ 2,4 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes, ligado à Universidade Federal do Espírito Santo.

 
Hospitais universitários de Minas Gerais ganham reforço de R$ 10,7 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado de Minas Gerais receberá R$ 10,7 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital de Clínicas de Minas Gerais (Belo Horizonte), com R$ 3,8 milhões, ligado à Universidade Federal de Minas Gerais; o Hospital Universitário de Juiz de Fora, com R$ 911,8 mil, ligado à Universidade Federal de Juiz de Fora; o Hospital de Clínicas do Triângulo Mineiro, com R$ 2,2 milhões, ligado à Universidade Federal do Triângulo Mineiro; e o Hospital de Clínicas de Uberlândia, com R$ 3,7 milhões, ligado à Universidade Federal de Uberlândia.

 
Hospitais universitários do Rio de Janeiro ganham reforço de R$ 9,9 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Rio de Janeiro receberá R$ 9,9 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital Universitário Antônio Pedro (Niterói), com R$ 2,2 milhões, ligado à Universidade Federal Fluminense. Além dos hospitais ligados à Universidade Federal do Rio de Janeiro: Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, com R$ 1,7 milhão, Instituto de Neurologia Deolindo Couto, com R$ 383 mil, o Instituto de Ginecologia, com R$ 380 mil, o Instituto de Doenças do Tórax, com R$ 497 mil, a Maternidade Escola da UFRJ, com R$ 958 mil, o Instituto de Puericultura e Pediatria Martagão Gesteira, com R$ 979 mil, o Hospital Escola São Francisco de Assis, com R$ 427 mil e o Instituto de Psiquiatria, com R$ 793 mil. E, ainda, o Hospital Universitário Gaffrée e Guinle, ligado à Universidade do Rio de Janeiro, com R$ 1,5 milhão.

 
Hospital universitário de São Paulo ganha reforço de R$ 748,6 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado de São Paulo receberá R$ 748,6 mil para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital Escola de São Carlos, ligado à Universidade de São Carlos.

 
Hospitais universitários do Paraná ganhas reforço de R$ 5,5 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Paraná receberá R$ 5,5 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital de Clínicas do Paraná, com R$ 4,4 milhões, e a Maternidade Victor Ferreira do Amaral, com R$ 1,1 milhão. Ambos ligados à Universidade Federal do Paraná.

 
Hospitais universitários do Rio Grande do Sul ganham reforço de R$ 6,1 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado do Rio Grande do Sul receberá R$ 6,1 para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foram contemplados o Hospital Escola da Universidade de Pelotas, com R$ 1,2 milhão, ligado à Universidade Federal de Pelotas; o Hospital Universitário Dr. Miguel Riet Correa Júnior, ligado à Universidade Federal do Rio Grande, com R$ 1,9 milhão; e o Hospital Universitário de Santa Maria, ligado à Universidade Federal de Santa Maria, com R$ 2,9 milhões.

 
Hospital universitário de Santa Catarina ganha reforço de R$ 2,2 milhões Fechar

A rede pública hospitalar do estado de Santa Catarina receberá R$ 2,2 milhões para custear o funcionamento dos serviços de ensino (consultas, internações e cirurgias), a compra de materiais médico-hospitalares como anestésicos, seringas e medicamentos, além da melhoria dos processos de gestão, ampliando e qualificando o atendimento prestado à população. No estado, foi contemplado o Hospital Universitário Polydoro Ernani de São Thiago (Florianópolis), ligado à Universidade Federal de Santa Catarina.

 

Por Silvia Pacheco, da Agência Saúde

Atendimento à imprensa – Ascom/MS
(61) 3315-3174 / 2745 / 3693

Fim do conteúdo da página