Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

INFORME AS DOSES E ESTOQUES DAS VACINAS EM SEU MUNICÍPIO ATÉ 30/11

Início do conteúdo da página

Nomeado novo diretor do Into

Escrito por Leonardo | | Publicado: Terça, 08 de Abril de 2014, 15h00 | Última atualização em Terça, 08 de Abril de 2014, 15h01

João Matheus Guimarães é especialista em trauma e se dedica a estudos com células-tronco

 

O médico ortopedista e pesquisador João Antônio Matheus Guimarães é o novo diretor do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia Jamil Haddad (Into). A nomeação foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (03/04), em portaria assinada pelo ministro da Saúde, Arthur Chioro.

 

João Matheus formou-se em Medicina em 1983, na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio), e se especializou em Ortopedia e Traumatologia no Hospital Central da Polícia Militar do Rio de Janeiro. Em 1985, foi aprovado no concurso público para médico ortopedista do Ministério da Saúde, onde trabalha há 29 anos, lotado no Into.

 

Com experiência em cirurgia ortopédica, atua hoje, principalmente, no tratamento do trauma ortopédico e de complicações de fraturas de ossos longos, áreas de maior interesse. Dedica-se a estudos e pesquisas sobre doenças ortopédicas com a utilização de terapias celulares para uso clínico e em protocolos experimentais.

 

O novo diretor quer ampliar a produção cirúrgica e investir mais em ensino e pesquisa. "Precisamos aumentar nossas ações para atender o paciente em menor tempo. Também é fundamental investir no profissional e formar novos especialistas. Esperamos implantar um doutorado este ano em parceria com a Unifesp, e queremos ter um banco de células, para tratar o doente ortopédico e desenvolver a pesquisa", afirmou destacando a expertise do banco de tecidos.

 

Em 2013, João Matheus recebeu o título de doutor em Ciências Médicas, pela Universidade Federal Fluminense, com a conclusão de estudo recente com células-tronco para o tratamento da pseudoartrose no fêmur, desenvolvido em pacientes atendidos no Into. É também mestre em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro.

 

No Into, coordenou os Serviços de Cirurgia, de Trauma e de Ortopedia e Traumatologia e a área de Ensino e Pesquisa, na qual foi responsável pela implementação do Curso de Mestrado Profissional em Ciências Aplicadas ao Sistema Musculoesquelético em 2013. Também foi chefe do Serviço de Ortopedia e Traumatologia do Hospital Central da Polícia Militar de 1998 a 2006.

 

Tem dois livros publicados: "Politraumatizado" e "Prevenção e tratamento das complicações das fraturas", além de outras publicações como artigos sobre seus estudos clínicos em ortopedia e traumatologia divulgados em revistas científicas.

 

Foi presidente da Sociedade Brasileira de Trauma Ortopédico na gestão de 2013. Também é membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) e preside a Comissão de Ensino e Treinamento da entidade. Desde 2006, participa de bancas examinadoras para obtenção de título de especialista em Ortopedia e Traumatologia. Em 2004, presidiu a SBOT regional, no Rio de Janeiro. 

Fim do conteúdo da página