Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

Campanha Amamentação 2019

Início do conteúdo da página

SENAD e SESAI criam curso EAD sobre o uso de álcool em comunidades indígenas

Escrito por Gustavo Frasão | | Publicado: Quarta, 30 de Janeiro de 2019, 17h21 | Última atualização em Quinta, 31 de Janeiro de 2019, 14h27

Organizado em dois módulos, o curso está disponível no Portal Aberta: Portal de formação a Distância – Sujeitos, Contextos e Drogas

Com o propósito de ampliar conhecimentos e melhorar a qualificação de trabalhadores da saúde indígena acerca da problemática do uso do álcool em comunidades indígenas, a Secretaria Nacional de Drogas (SENAD/MJ) e a Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI/MS) desenvolveram um curso a distância sobre o tema. O conteúdo foi elaborado pela Coordenação de Atenção Primária à Saúde Indígena da SESAI, juntamente com a Universidade Federal de Santa Catarina.

Os dois módulos – autoinstrucionais – visam ofertar ao aluno uma introdução ao fenômeno contemporâneo de uso de bebidas entre a população indígena. Para tanto, privilegia os aspectos socioculturais e históricos que influenciam na configuração das diversas situações e processos de alcoolização existentes entre os mais de 300 povos originários que habitam o Brasil; assim como abordam estratégias de enfrentamento dos problemas e agravos desencadeados pelo uso abusivo de bebidas alcoólicas junto aos coletivos indígenas brasileiros.

A Coordenação de Atenção Primária à Saúde Indígena orienta os interessados que iniciem o aprendizado pelo módulo “Álcool e Populações Indígenas: Aspectos Históricos e Socioculturais do Beber e Políticas de Atenção à Saúde”, que tem por objetivo aproximar o aprendente à complexidade constitutiva do fenômeno contemporâneo de uso de bebidas entre a população indígena, por meio da contextualização histórica e sociocultural. Também traz informações sobre os direitos diferenciados e sobre as políticas públicas de atenção à saúde indígena hoje existentes.

Clique aqui para acessar o site

O Segundo passo é o módulo “Álcool e População Indígena: Produção de Conhecimento e Abordagens Metodológicas”. Esse conteúdo aprofunda a reflexão sobre a importância da produção de conhecimentos para subsidiar o desenvolvimento e implementação de estratégias de enfrentamento dos problemas e agravos desencadeados pelo uso abusivo de bebidas alcoólicas junto aos coletivos indígenas brasileiros. Essa é uma etapa do curso com foco em abordagens metodológicas – quantitativas e qualitativas – que permitem dimensionar e descrever o fenômeno do consumo do álcool e que são fundamentais para orientar as ações de promoção da saúde, prevenção e recuperação de doenças, bem como em medidas de reinserção social.

Clique aqui para acessar o site

Para iniciar o curso, o interessado precisa acessar o Portal Aberta. No cadastro de usuário, escolha o item “Profissão”, a opção “SESAI (aplica-se a todas as funções)”, para que seja possível o monitoramento do número de pessoas que acessam os módulos EAD. Embora destinado aos trabalhadores da saúde indígena, os módulos podem ser acessados por todos aqueles que tiverem interesse no tema.

Comunicação SESAI
Coordenação de Atenção Primária à Saúde Indígena
Atendimento à imprensa: (61) 3315.3580

Fim do conteúdo da página