Ir direto para menu de acessibilidade.
    Você está aqui:
  1. Página inicial
  2. >
  3. Últimas notícias
  4. >
  5. Notícias SESAI
  6. >
  7. SESAI e Médicos da Floresta firmam parceria por mais saúde em territórios indígenas de difícil acesso
Início do conteúdo da página

SESAI e Médicos da Floresta firmam parceria por mais saúde em territórios indígenas de difícil acesso

Escrito por André | Publicado: Quarta, 05 de Junho de 2019, 19h37 | Última atualização em Quarta, 05 de Junho de 2019, 19h37

Objetivo é levar a regiões remotas tratamentos oftalmológicos e odontológicos 

A população indígena que vive em territórios de difícil acesso em todo o país será beneficiada por uma parceria estabelecida entre a Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI) do Ministério da Saúde (MS) e a Associação Médicos da Floresta (AMDAF), entidade civil sem fins lucrativos que dedica esforços em prol desse segmento social. Essa é uma união de forças que tem por objetivo ampliar a oferta de tratamentos de oftalmologia e odontologia para indígenas de regiões longínquas.

Com o propósito de discutir os termos e outros detalhes da parceria, a secretária Especial de Saúde Indígena, Sílvia Waiãpi, recebeu nesta segunda-feira (03/06) o vice-presidente da Associação Médicos da Floresta, engenheiro Frank Zenji Hida. A pauta do encontro na sede da SESAI, em Brasília, tratou dos diversos aspectos que envolvem o planejamento e a execução desses serviços de saúde e o papel de cada uma das duas entidades nas ações nos territórios indígenas.

União e determinação

A secretária Sílvia Waiãpi destacou a importância dessa parceria: “Com essa colaboração mútua, vamos realizar várias cirurgias de catarata, para melhorar a qualidade de vida dessa gente que tanto precisa de nós. Também vamos aumentar a oferta de serviços odontológicos e levar mais autoestima aos nossos irmãos indígenas. Com uniões como essa e a nossa determinação em servir, vamos avançando, para conquistar mais dignidade para os povos da floresta”.

Para garantir a execução desses serviços nos territórios indígenas, a SESAI organiza toda a logística necessária, como o transporte de equipamentos, a acomodação e a alimentação dos profissionais envolvidos. Já a Associação Médicos da Floresta fica responsável pelos equipamentos médicos, insumos e toda a mão de obra médica especializada e voluntária que realizará os tratamentos oftalmológicos e odontológicos aos indígenas.

Profissionais experientes

O vice-presidente da Associação, engenheiro Frank Zenji Hida, explicou que a missão da AMDAF é “buscar e promover a qualidade de vida e a inclusão social das comunidades indígenas em territórios remotos, levando serviços especializados de saúde, como tratamentos oftalmológicos (exames completos na especialidade, entrega de óculos, cirurgias de catarata e pterígio) e odontológicos (tratamento de canal, exodontia, obturações, restauração completa e produção de próteses), para suprir a carência desse tipo de assistência nessas regiões em territórios indígenas”. E informou que a Associação foi fundada em abril de 2016, por médicos e gestores com experiência em serviços voluntários a comunidades indígenas que vivem em áreas de difícil acesso. Disse, ainda, que a AMDAF conta com equipe multidisciplinar de voluntários das áreas de Saúde, Administração, Engenharia e Direito.

Comunicação SESAI

Atendimento à Imprensa: 3315-3580

Fim do conteúdo da página