Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

Banner estatico portal 960 x 100

Início do conteúdo da página

Equipes de saúde indígena recebem capacitação sobre vigilância epidemiológica e controle de doenças

Escrito por Leonardo | | Publicado: Quinta, 23 de Janeiro de 2014, 11h18 | Última atualização em Terça, 19 de Novembro de 2013, 11h17

Começa nesta quarta-feira (20) uma capacitação integrada sobre Doenças em Eliminação para os profissionais das Equipes Multidisciplinares de Saúde Indígena (EMSI) dos Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs) Alto Rio Solimões, Médio Rio Solimões e Vale do Javari. A ação vai até 26 de novembro, em Tabatinga (AM), com o apoio da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) e Secretarias de Saúde dos Estados do Amazonas, Rondônia e Tocantins.

A capacitação tem como objetivo preparar os profissionais para desenvolver atividades de vigilância epidemiológica e controle da Hanseníase, Geo-helmintíases e Tracoma nas comunidades indígenas de abrangência dos três distritos.

Desde 2011, o Ministério da Saúde definiu a Hanseníase, a Esquistossomose, as Geo-helmintíases, a Oncocercose e o Tracoma como doenças prioritárias para a intervenção de forma integrada, com fins de obter maior impacto no controle e diminuição da carga dessas doenças. Algumas delas possuem um diagnóstico mais preciso de ocorrência e distribuição, porém, em muitas áreas, ainda persistem de forma silenciosa, sem o diagnóstico e o registro de dados nas bases de informações disponíveis, como linha de base de situação epidemiológica.

DSEIs Yanomami e Leste Roraima
Em outubro deste ano, a mesma capacitação foi promovida para os profissionais dos Distritos Sanitários Especiais Indígenas Yanomami e Leste Roraima, com o apoio da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), Secretaria de Vigilância em Saúde, Secretaria de Saúde de Roraima e Instituto Evandro Chagas.

Fim do conteúdo da página