Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

INFORME AS DOSES E ESTOQUES DAS VACINAS EM SEU MUNICÍPIO ATÉ 30/11

Início do conteúdo da página

Ministério da Saúde participa de Fórum da Academia Brasileira de Pediatria

Escrito por Gustavo Frasão | | Publicado: Sexta, 26 de Abril de 2019, 15h31 | Última atualização em Sexta, 26 de Abril de 2019, 16h13

O encontro debateu sobre as transformações da família e da sociedade brasileira e seu impacto na infância e juventude

Box Title

Crédito da foto: Mirna Nóbrega

Crédito da foto: Mirna Nóbrega

A Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES) participou do 21º Fórum Acadêmico Ênnio Leão, nos dias 25 e 26 de abril, em Belo Horizonte – MG. O evento foi realizado pela Academia Brasileira de Pediatria (ABP), pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e localmente pela Academia Mineira de Pediatria (AMP) e pela Sociedade Mineira de Pediatria (SMP).

O homenageado desta edição foi o Acadêmico Professor Emérito Dr. Ênnio Leão, médico com marcante trajetória em prol da pediatria e na defesa da categoria. O evento teve como tema principal “as transformações da família e da sociedade e seu impacto na infância e juventude”. As conferências e mesas-redondas abordaram sobre o parto adequado, segurança na internet, maioridade penal e os limites e desafios na infância e adolescência e, ainda sobre a família, a escola e a sociedade na atualidade.

“A grande importância desse evento é que além de reunir diversos profissionais de todas as áreas, entre médicos pediatras, ginecologistas, psicólogos, estudantes de medicina e residentes, ele é aberto para a comunidade. O objetivo é justamente levar a discussão para a sociedade“, destacou o Presidente da Academia Mineira de Pediatria, Paulo César Pinho Ribeiro.

Representando o Ministério da Saúde, a secretária da SGTES, Mayra Pinheiro, participou da mesa de abertura e fez um convite à Sociedade Brasileira de Pediatria para que a entidade apoie o Selo de “Unidade amiga da vacinação” que visa estimular as ações de imunização no país.

“O apoio da SBP é fundamental, uma vez que o pediatra é o profissional que tem o papel de orientar, cuidar e proteger as crianças junto com suas famílias. A ideia da união da SBP com Ministério da Saúde na conferência do selo ‘unidade amiga da vacinação’ é promover e reforçar as ações de imunização no âmbito da atenção primária, garantindo assim, melhores resultados na cobertura vacinal e, consequentemente, maior proteção às nossas crianças”, destacou a secretária da SGTES, Mayra Pinheiro.

O selo tem o objetivo de fortalecer estratégias para controle, eliminação ou erradicação de doenças imunopreveníveis e estimular o processo de melhoria dos indicadores da cobertura vacinal no território, bem como envolver e mobilizar as equipes de Atenção Primária à Saúde/Atenção Básica na cultura de prevenção e proteção de doenças na população. A demanda foi acolhida pelo presidente da Academia Brasileira de Pediatria, Mario Santoro Junior que se prontificou a levar as demandas do ministério para análise pela sociedade.

Realizado na sede da Associação Médica de Minas Gerais (AMMG), o evento ofereceu um espaço de debate e troca de experiências profissionais e acadêmicas entre profissionais da saúde, da educação, do judiciário e da comunidade em geral.

A convite do Ministério da Saúde, a Coordenadora-geral de Atenção Integral à Gestante e à Maternidade do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Fernanda Feitoza, também esteve presente no Fórum.

SGTES

A Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES) é responsável por formular políticas públicas orientadoras da gestão, formação e qualificação dos trabalhadores e da regulação profissional na área da saúde no Brasil. Ademais, promover a integração dos setores de saúde e educação no sentido de fortalecer as instituições formadoras de profissionais atuantes na área, bem como integrar e aperfeiçoar a relação entre as gestões federal, estaduais e municipais do SUS, no que se refere aos planos de formação, qualificação e distribuição das ofertas de educação e trabalho na área de saúde.

Por Mirna Nóbrega, do NUCOM/SGTES
Atendimento à imprensa
(61) 3315-3580

Fim do conteúdo da página