Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

borboletas

Início do conteúdo da página

Distribuição mundial

Escrito por alexandreb.sousa | | Publicado: Sexta, 22 de Maio de 2015, 13h11 | Última atualização em Terça, 20 de Dezembro de 2016, 16h42

O vírus Zika foi isolado pela primeira vez em primatas não humanos em Uganda, na floresta Zika em 1947, por esse motivo esta denominação. Entre 1951 a 2013, evidências sorológicas em humanos foram notificadas em países da África (Uganda, Tanzânia, Egito, República da África Central, Serra Leoa e Gabão), Ásia (Índia, Malásia, Filipinas, Tailândia, Vietnã e Indonésia) e Oceania (Micronésia e Polinésia Francesa).

Nas Américas, o vírus Zika somente foi identificado na Ilha de Páscoa, território do Chile no oceano Pacífico, 3.500 km do continente no início de 2014.

O vírus Zika é considerado endêmico no Leste e Oeste do continente Africano. Evidências sorológicas em humanos sugerem que a partir do ano de 1966 o vírus tenha se disseminado para o continente asiático.

Até a data de 14 de dezembro de 2016, há registro de circulação ativa do vírus Zika nas Américas (em 50 países, incluindo o Brasil), Oceania/Ilhas do Pacífico (Samoa Americana, Fiji, Kosrae, Estados Federados da Micronésia, Ilhas Marshall, Nova Caledônia, Papua-Nova Guiné, Samoa e Tonga), África (Cabo Verde) e Ásia (Singapura). O mapa abaixo não inclui casos associados a viagens nem com transmissão anterior do vírus Zika.

 

 

Mapa: Países e territórios com transmissão ativa de vírus Zika. Fonte: www.cdc.gov. Atualizado em dezembro, 2016.
Fim do conteúdo da página