Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
COVID-19

Saúde envia suprimentos e reforço médico para aldeias de Mato Grosso do Sul

Escrito por erika.morais | | Publicado: Quinta, 20 de Agosto de 2020, 18h37 | Última atualização em Quinta, 20 de Agosto de 2020, 18h37

Ação conjunta avança para auxiliar o enfrentamento da Covid-19 em áreas indígenas

Nesta quinta-feira (20/08), começa mais uma etapa da missão de combate à Covid-19 nas aldeias de Mato Grosso Sul com o envio de seis toneladas de suprimentos e três equipes de saúde para atendimento à população local. Realizada pelo Ministério da Saúde, por meio da Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI), em parceria com o Ministério da Defesa, governos do estado e municípios, a missão reforça a assistência aos indígenas do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) Mato Grosso do Sul. Nesta semana, serão atendidos indígenas das aldeias de abrangência do município de Sidrolândia e em seguida do município de Miranda.

Serão enviados testes rápidos para Covid-19, medicamentos para atendimento básico de saúde e Equipamentos de Proteção Individual (EPI) como máscaras, luvas e protetores faciais. Além disso, três equipes da SESAI, compostas por médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, farão atendimento nas aldeias do DSEI Mato Grosso do Sul.

As equipes Multidisciplinares de Saúde Indígena (EMSI) farão atendimentos e realizarão testes para Covid-19, tratando os sintomas da doença e referenciando eventuais casos positivos para acompanhamento e monitoramento. Em caso de necessidade, os pacientes poderão ser removidos aos hospitais municipais ou estadual de referência.

CONTINUIDADE

De 25 a 30/08, a equipe da SESAI se dirige ao Sul do estado para reforçar os atendimentos prestados aos indígenas aldeados dos municípios de Japorã, Tacuru, Caarapó e Iguatemi. No mesmo período, profissionais de saúde das Forças Armadas, do Ministério da Defesa, vão atender a população indígena do Polo Base de Miranda (MS) para reforçar a ação da SESAI no município.

Estas são a segunda e a terceira fase da Missão no Mato Grosso do Sul. A primeira etapa, realizada de 05 a 09 de agosto, atendeu indígenas do município de Aquidauana. Na ocasião, foram realizados 1.229 atendimentos por pediatras, ginecologistas e infectologistas. Outra equipe atenderá novamente as aldeias de Aquidauana no período de 29 a 30 de agosto.

O DSEI Mato Grosso do Sul leva serviços de atenção básica a aproximadamente 80 mil indígenas de oito etnias. Possui 703 profissionais de saúde, dos quais 48% são indígenas. No total, há 30 médicos atuando no Distrito, sendo 11 do programa Mais Médicos. A SESAI já autorizou a contratação de mais profissionais de saúde como médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem para o Distrito.

Ministério da Saúde, com informações do Nucom SESAI
(61) 3315-3580 / 2745 / 2351

Fim do conteúdo da página