Ir direto para menu de acessibilidade.
Novo Coronavírus - tire suas dúvidas
Banner teleSUS clique aqui
Início do conteúdo da página

Horta melhora alimentação de indígenas na CASAI Manaus

Escrito por Gustavo Frasão | | Publicado: Sexta, 21 de Fevereiro de 2020, 15h52 | Última atualização em Segunda, 02 de Março de 2020, 10h28

Ministério da Saúde vai levar projeto que começou em Brasília a todo o Brasil

Foto: Sesai/Divulgação

A Casa de Saúde Indígena - CASAI Manaus implementou sua primeira horta agroecológica neste mês de fevereiro. A ação mobilizou toda a comunidade indígena atendida no CASAI para o plantio de cebolinha, chicória, manjericão, capim santo, tomate, melancia e jerimum. Além disso, no canteiro medicinal foram plantados boldo, hortelã, babosa, alecrim e outras ervas medicinais. A produção da horta irá atender 250 pessoas entre indígenas e funcionários da Saúde Indígena.

Para a produção de adubos necessários para a horta, os técnicos envolvidos no projeto utilizam resíduos orgânicos obtidos das sobras da cozinha da CASAI.

A horta na CASAI Manaus pretende manter os indígenas mais próximos de sua cultura, tanto na utilização de plantas medicinais quanto na alimentação saudável que eles costumam ter. O projeto existe desde 2018 e foi desenvolvido pela equipe do Departamento de Determinantes Ambientais da Secretaria Especial de Saúde Indígena do Ministério da Saúde.

A primeira unidade a receber o projeto foi a CASAI Brasília, que além de fornecer alimentos, funciona como espaço educativo para crianças e acompanhantes. A manutenção do cultivo é baseada no hábito alimentar dos indígenas e é coordenada pela equipe responsável pela alimentação de pacientes e acompanhantes. Para os técnicos da SESAI, a produção é importante para incrementar as dietas dos indígenas atendidos na CASAI.

A horta integra a Política Nacional de Praticas Integrativas e Complementares-BNPIC do Sistema Único de Saúde-SUS que comtempla a medicina tradicional, fitoterapia e outras. Com base nas diretrizes da Política de Práticas Integrativa, a SESAI também implantou canteiros chamados de “farmácia verde”, que já funciona em dez CASAIS em todo o Brasil com resultados positivos.

O projeto prevê que todos os DSEIs, CASAIs, Polos Bases e Aldeias indígenas tenham sua própria horta. Em Manaus, os indígenas já se disponibilizaram para ajudar na manutenção dos canteiros e cuidar da produção de alimentos saudáveis para todos.

Por Murilo Caldas, do NUCOM SESAI
Atendimento à imprensa:
(61) 3315.3580

Fim do conteúdo da página